Blog

Perder peso não é emagrecer

Postado em 14 de junho de 2019 por Natália Dourado

Primeiro, jogue fora aquela balança que fica no banheiro! Sim, essa mesmo, que você se pesa diariamente e quando aumenta 300g a primeira atitude que você tem é deixar de comer aquele pãozinho que havia comido no dia anterior.

Engordar ou emagrecer não é medido pelo peso que você tem na balança, e sim pela sua composição corporal, balança só vai dizer se você está leve ou pesado e fazer com que você fique frustrado, e em muitos casos, influenciar você a restringir a alimentação sem real necessidade, podendo aumentar ainda mais o seu problema, como por exemplo ter deficiências nutricionais e até mesmo transtornos alimentares.

Ser leve ou pesado é relativo. O importante é sua composição corporal!

A composição corporal nos diz o quanto do seu peso é gordura, massa muscular, água e ossos. Tudo isso, constitui o seu peso.

Imagine um atleta de fisiculturismo por exemplo, com 1,70 cm de altura e 100 kg, podemos dizer que ele está acima do peso? Não, podemos dizer apenas que ele é forte.

O mesmo acontece com você, talvez em uma proporção menor, este caso era um atleta de alto rendimento. O que quero dizer é que, não importa o peso final que você tem e sim a composição corporal que você tem.

É comum por exemplo, isso acontecer com alguém que decide emagrecer e sempre foi sedentário. Então, ele começa a melhorar a alimentação e a praticar atividades físicas. Quando ele vai se pesar, logo nota que o peso aumentou, aí vem a frustração:

“Poxa, estou fazendo tudo certinho e engordei, o que será que está acontecendo? Com certeza foi o carboidrato (arroz) que eu comi no jantar. E a partir daí ele faz a pior decisão da sua vida, começa a cortar os alimentos por conta própria, e possivelmente ele estava apenas aumentando a sua massa muscular, o que é muito bom.”

A massa muscular além de ser essencial para saúde como um todo, quanto mais você tem, mais rápido você emagrece. Isso porque, para manter a sua musculatura, o seu corpo utiliza a gordura como forma de energia, então quanto mais músculo, menos gordura, essa é a regra. Claro, salvo você que está exagerando na comida, nesse caso, mesmo com muito músculo, seu corpo não dá conta de utilizar tanta gordura!
Além disso, não temos o mesmo peso todos os dias, ele é variável, porque além da massa muscular, você pode ter bebido mais água aquele dia, ou então estava muito calor e teve uma retenção de líquido maior, ou no caso das mulheres, estar no ciclo menstrual…muitas variações podem ocorrer no seu dia-a-dia que influenciam no seu peso e não necessariamente é gordura.

Também, ao contrário do que você pensa, não é tão fácil assim ganhar gordura, a ponto de você engordar se comer uma refeição calórica em um único dia. O seu peso pode aumentar por outros fatores, como eu descrevi acima e você acaba associando com o que comeu por peso na consciência (que também não é nada bom).

Retirar da sua alimentação algo que acha ser o vilão do seu peso aumentar, sem orientação profissional, pode levar você a perder massa muscular ao invés de ganhar e te prejudicar ainda mais, além de levar você a possíveis transtornos alimentares, como bulimia, anorexia e até mesmo compulsão alimentar.

Então, não se preocupe com o seu peso, ele não é garantia de nada!

Existem algumas formas de avaliar composição corporal na prática clínica e muito válidas para mensurar com mais assertividade, mais uma forma fácil para saber se realmente está emagrecendo da forma correta é se auto tocar, se os seus membros estiverem mais durinhos, é porque está melhorando. Outra forma é observar as suas roupas, elas não costumam encolher!

Agende aqui a sua Consulta

Agende sua consulta via Whatsapp


(12) 98214-3984